Hospital do Sangue

Ajude a Salvar Vidas com a conclusão das obras do Hospital do Sangue do Amazonas. Faça sua doação. Clique aqui.

Horário

Hemoam: Segunda a sábado, das 7h às 18h.
Maternidade Ana Braga: Segunda a sexta, das 8 às 12h30.

Agende sua Doação

Após sua segunda doação, você já pode fazer o seu agendamento. Clique aqui

Hemoam > Notícias

Ministério da Saúde qualifica profissionais da Hemorrede Amazonas


Pelo menos 60 pessoas iniciaram o treinamento nesta terça-feira (29/10).


PUBLICADO DIA: 29/10/2019 18:01:46 Última atualização: 17/11/2019 08:07:01 Legenda:
Créditos:

Uma equipe do Ministério da Saúde, por meio da Coordenação Geral do Sangue e Hemoderivados, desembarcou em Manaus esta semana para treinar a equipe técnica de diversas agências transfusionais da capital e do interior. A qualificação prepara esses profissionais para avaliar a qualidade dos procedimentos de transfusão de sangue realizados no Amazonas. Pelo menos 60 pessoas iniciaram o treinamento nesta terça-feira (29/10), no auditório da Fundação Hospitalar de Hematologia e Hemoterapia do Amazonas (Hemoam).

 

A qualidade do sangue é uma das maiores preocupações do Hemoam, hemocentro responsável pela segurança transfusional do Amazonas. Todo ato transfusional deve obedecer a critérios de segurança e portarias do Ministério da Saúde. “Por isso é muito importante a presença dessa equipe do ministério, que está aqui para formar multiplicadores desse sistema de segurança”, avaliou o gerente de Qualidade do Hemoam, Mário Sérgio.

 

O Amazonas é o 17º estado a receber o treinamento. Nos dois primeiros dias, o curso será voltado para palestras e oficinas de aplicação do instrumento de qualidade e segurança. No último dia (31/10), cinco agências transfusionais serão visitadas para a supervisão prática.

 

“Esse é um conjunto de esforços para tentar garantir que a bolsa de sangue chegue ao hospital com a mesma qualidade com que saiu do hemocentro, e que o sangue seja transfundido com toda segurança preconizada pelo Ministério da Saúde”, disse Lilianne Lazarotti, farmacêutica bioquímica, da Coordenação Geral de Sangue e Hemoderivados do Ministério da Saúde.

 

 






Paginação